Em Busca da Verdade    (Tratamento Espiritual a Distância)
Introdução, Restrições, Objetivos e Limites
por Gustavo Martins

Introdução

Qualquer terapia que não observar a questão do homem de forma integral, mais do que simplesmente um agregado de nervos e músculos, falha em seu tentame, pois o ser, temporariamente envolto no pesado escafandro de carne, existe apesar desta aparência física, como originário de dimensões superiores da vida, constituindo o seu corpo espiritual o verdadeiro e eterno veículo de expressão de seu psiquismo mais profundo, de seu espírito imortal.
Medicina da Alma - Robson Pinheiro, pelo Espírito Joseph Gleber

Escrevemos o artigo sobre Tratamento Espiritual a Distância para auxiliar as pessoas que buscam através do auxílio espiritual a ajuda necessária para superar problemas de saúde, desequiliibrios emocionais, problemas pessoais e dificuldades que estão comprometendo a harmonia pessoal, da família ou profissional.

Esse artigo é leitura obrigatória para aqueles que desejam participar dos tratamentos espirituais a distância realizados pela Fraternidade Francisco de Assis - Casa de Bezerra de Menezes (http://www.franciscodeassis.org.br) ou do Grupo PAS (http://www.grupopas.com.br), pois explicará como é realizado o tratamento pela equipe espiritual e a melhor forma de aproveitá-lo.

Antes de iniciar o tratamento ou solicitar a participação é importante compreender os limites, restrições e objetivos do tratamento, pois caso contrário o participante pode se sentir frustrado pelo resultado ou pelas recomendações que serão enviadas por e-mail durante o tratamento.



Restrições

  • O tratamento espiritual não deve substituir o tratamento médico ou terapêutico. Aquele que deseja substituir uma cirurgia ou atendimento médico por medo ou preguiça está cometendo um grande erro e pode comprometer gravemente sua saúde. O tratamento espiritual trabalha o interior, a fonte dos desequilíbrios orgânicos, já o tratamento médico lida com as conseqüências físicas desse desequilíbrio, buscando extinguir os males causados e permitindo ao espírito a qualidade de vida necessária para reverter desequilíbrio interior que está gerando a(s) doença(s).
    O espírito Joseph Gleber no livro Consciência faz um comentário muito interessante sobre o assunto:
    "... foge aos objetivos dos espíritos superiores a idéia de substituir a medicina e os seus representantes. ... A finalidade do nosso trabalho é o esclarecimento do doente e a cura num nível superior, que é o da consciência e das matrizes espirituais. Deixemos que os médicos da Terra prescrevam os remédios alopáticos. O tratamento espiritual não visa substituir ou concorrer com a medicina, em hipótese alguma; visa complementá-la, atuando num aspecto que ela não alcança..... A medicina alopática, indicada por profissional sério e competente, cumpre o papel que lhe cabe, pois atua num campo diverso..."
    Emmanuel também ressalta a importância do tratamento médico no livro O Consolador:
    Como é considerada nos planos espirituais a medicina terrena? -A medicina humana, compreendida e aplicada dentro de suas finalidades superiores, constitui uma nobre missão espiritual. O médico honesto e sincero, amigo da verdade e dedicado ao bem; é um apóstolo da Providência Divina, da qual recebe a precisa assistência e inspiração, sejam quais forem os princípios religiosos por ele esposados na vida.
  • Muito importante ressaltar a importância da FÉ como atributo indispensável para aquele que deseja curar-se ou obter o auxilio espiritual. Se o próprio paciente não acredita que a modificação interior e o auxilio espiritual podem ajudá-lo então quem mais acreditará? As instruções que enviamos semanalmente têm como objetivo mostrar ferramentas e ações que ajudam ao solicitante se harmonizar. A receptividade do tratamento está diretamente relacionada a fé, ao empenho e a persistência.
  • Somente podem participar do tratamento espiritual à distância as pessoas que estiverem dispostas a seguir as recomendações e instruções que serão enviadas por e-mail, o tratamento espiritual a distância é um trabalho sério e exige muita dedicação do plano espiritual.
  • Não existem restrições em relação à religião praticada, todo aquele que estiver disposto à reeducar-se moralmente será auxiliado pelos amigos espirituais, sendo indiferente a religião de sua preferência.


Objetivos e Limites

  • O tratamento espiritual tem como principal objetivo despertar os participantes para uma nova visão da vida, das dificuldades e desafios pertinentes a nossa própria existência. O sucesso do tratamento está na compreensão dos reais valores do espírito e das verdadeiras necessidades da alma em evolução.
    Nesse novo horizonte que resplandece sobre a luz do conhecimento espiritual o espírito em prova ou expiação aprende a buscar a solução dentro de si, em comunhão com o Pai, traçando um novo rumo para sua existência através de ações positivas, mas também compartilhando com Deus o peso das suas dificuldades. Essa comunhão não eximie o espírito da sua responsabilidade, contudo, motiva e renova dia-a-dia as energias despreendidas. As possibilidades de um a pessoa boa, com amor no coração e fé em Deus falhar em suas provas são muito menores do que aquele que possui o intelecto desenvolvido, mas o coração envolto em pela crosta da indiferença.
  • O Tratamento Espiritual ou Cirurgia espiritual não pode prometer a cura da doença ou a extinção de um problema, nosso objetivo é mostrar como pode ser trazida a paz e o equilíbrio para sua vida, mostrando que mesmo com problemas é possível estar em equilíbrio e paz, pois esse é o grande desafio da vida. Milhares de pessoas possuem saúde, poder ou riquezas, mas estão em quantidades ínfimas aqueles que mantêm a serenidade e a fé quando esses elementos se extinguem. Os últimos podem ser pobres, miseráveis ou doentes na Terra, mas seu espírito brilha de riquezas imensuráveis e a saúde do seu espírito não tem comparações com a temporária e instável saúde do corpo físico.
  • Temos constatado que em muitos casos a cura ou solução imediata não acontecem como o esperado, mas em muitos casos o processo de transformação interior permite a atenuação da expiação, esse assunto será abordado durante todo o artigo. Emmanuel nos fala no livro O Consolador sobre receitas mediúnicas, mas a resposta formulada é perfeita para o tópico que estamos explorando:
    O fato de um guia espiritual receitar para determinado enfermo,é sinal infalível de que o doente terá de curar-se? O guia espiritual é também um irmão e um amigo, que nunca ferirá as vossas mais queridas esperanças. Aconselhando o uso de um a substância medicamentosa, alvitrando essa ou aquela providência, ele cooperará para as melhoras de um enfermo e, se possível, para o pleno restabelecimento de sua saúde física, mas não poderá modificar a lei das provações ou os desígnios supremos dos planos superiores, na hipótese da desencarnação, porque, dentro da Lei, somente Deus, seu Criador,pode dispensar.
  • Não temos a pretensão de salvar ou curar a todos que nos procuram, nosso trabalho foi criado para possibilitar o primeiro contato com o auxílio espiritual, buscando atender pessoas que não podem comparecer à um centro espírita por receio, medo ou impedimentos de ordem profissional, estudo ou familiar. Por esse motivo o tratamento iniciado em nosso grupo deve ser continuado em um centro espírita, onde se poderá aprender cada vez mais sobre os ensinamentos espirituais e praticar o amor ao próximo e a solidariedade aos mais necessitados.
  • Pode-se repetir o tratamento quantas vezes achar necessário, contudo, é importante que compreenda que o tratamento espiritual a distância atua como auxilio inicial e sua continuidade deve ser realizada em um centro espírita sério, onde o irmão ou irmã será envolvido pela equipe espiritual do centro. As palestras, o passe, a água fluidificada, os grupos de estudo e o trabalho solidário tem resultados muito positivos.

Perguntas Respondidas