Poema
voltar para consulta

Título
Anjo de Deus
Autor Data Publicação
08/05/2001 Vinícius de Moraes
Origem
Mensagens Psicografadas
Texto

Sois a excelsa das virtudes ...

O vosso manto cobre a Terra inteira ...

Missionária do amor, sempre a primeira

A socorrer quaisquer vicissitudes.

Na dor, sois a bendita companheira

Acalentando as grandes inquietudes,

A palmilhar, descalça, os campos rudes,

Sem conhecer cansaço nem fronteira ...

Estrela a refulgir no abismo escuro,

É Caridade vosso nome puro,

Anjo de Deus, em cuja luz me inundo ...

Sois a esperança do porvir risonho

Que tornará real, na vida, o sonho

De suprimir as lágrimas do mundo !